Damos-lhe as boas-vindas à saga #osegredojanaoeaalmadonegocio:

"O segredo (já não) é a alma do negócio"

Como primeiro capítulo desta saga trazemos-lhe uma visão disruptiva do que é vulgarmente entendido pela forma como são ordenados os websites na página de resultados, bem como pode melhorar o posicionamento de um website no Google™, quando um utilizador recorre a este motor de pesquisa.

Consideramos existirem 3 momentos essenciais
para posicionar um website no Top 10 do Google™.

Momento 1 - Posicionamento Inicial

Este é o momento mais conhecido em que o fator relevante é o tradicional SEO (Search Engine Optimization) quer Onsite, quer Offsite.

Neste âmbito são valorizados vários parâmetros, como os seguintes 6:

    1. o Domínio;
    2. os Conteúdo das páginas;
    3. as Metatags (ex: títulos e descrições);
    4. os URL's;
    5. os Alt Text nas imagens;
    6. os Links (internos e externos).

Tem um website e quer analisar qual o seu desempenho nestes parâmetros?
New Call-to-action


Dependendo da qualidade destes parâmetros e da concorrência no nicho de mercado, as diversas páginas do website ficarão melhor ou pior posicionadas, quando os utilizadores pesquisam por determinadas palavras-chave.

Veja este exemplo quando pesquisamos no Google "empresa de marketing digital em lisboa".

 

momento1-pesquisa-posicao-organica-website-made2web

Exemplo de resultado orgânico para pesquisa de "empresa de marketing digital em lisboa"

 

Momento 2 - Taxa de Cliques (CTR) no resultado de pesquisa

O Google™ já tem à partida uma expectativa média do número de cliques que um determinado URL deve obter consoante a sua posição na lista de resultados da pesquisa, ou seja, a sua CTR.

Acabamos por perceber que, é óbvio, a Taxa de Cliques tem impacto no ranking do Google, como até já explicámos anteriormente.

Dos muitos estudos já desenvolvidos ao longo dos anos, é consensual afirmar-se que cerca de 90% dos cliques são dados na 1ª página do Google™, ou seja, nas 10 primeiras posições orgânicas. Vamos então supor a seguinte distribuição de CTR na 1ª página do Google™:

taxa-de-clique-ctr-top-10-google-made2web
Distribuição da Taxa de Cliques pelas primeiras 10 posições do Google™


Dada a distribuição de CTR's anteriores, se, num dado resultado de uma pesquisa, o seu website aparecer por exemplo na 5ª posição, é natural que o Google™ tenha a expectativa que 6,1% dos utilizadores cliquem no seu URL. Mas, obviamente, esse número pode ser maior ou menor, em função do título e meta description do resultado e do interesse que eles despertem no utilizador que efetuou a pesquisa, comparando, naturalmente, com os resultados concorrentes.

Caso a CTR seja maior o website poderá melhorar o seu posicionamento em relação ao da concorrência, mas se for menor piorar. Ou seja, o Google™ tende a reordenar a lista de resultados em função da taxa de cliques que eles recebem dos utilizadores.

sugestao-blog-made2web Sugestão: Para aumentar a probabilidade de clique, garanta que disponibiliza toda a informação necessária para aproveitar ao máximo as oportunidades que o motor de pesquisa tem.

Tomemos como exemplo um resultado para a pesquisa de "soluções de marketing digital".

 

momento2-ctr-pesquisa-posicao-organica-website-made2webExemplo de resultado orgânico para pesquisa de "soluções de marketing digital"


A página de resultados SERP apresenta um mapa com a localização da Made2Web, bem como a morada, o número de telefone e o horário. É ainda possível aceder ao website da empresa, ou obter as direções diretas. 
Mais abaixo temos as páginas dos resultados, onde a Made2Web aparece em 1º lugar com a página de "soluções de marketing digital". O seu título e descrição deve conter informação útil ao utilizador, como:

  • Vantagens dos serviços de marketing digital
  • Quais os propósitos do serviço de marketing digital
  • Que tipo de resultados pode esperar com as soluções / serviços de marketing digital...

Assim, além de tornar o resultado mais apelativo, estará a dar ao utilizador uma forma direta de o encontrar, bem como um resumo fidedigno do conteúdo que poderá encontrar na página. Ambos os fatores contribuem para uma maior Taxa de Cliques no resultado.

QUERO SABER MAIS SOBRE SEO »

 


Momento 3 - Experiência de utilização nos websites

Ao entrarem nos websites, os utilizadores demonstram comportamentos distintos em função de muitos fatores nem sempre valorizados. Damos relevância a estes 3 super fatores que agarram os utilizadores à página:

    1. O design mais, ou menos, apelativo;
    2. A facilidade de navegação no website (estrutura de menus, a informação disposta de forma clara, estrutura de links internos, etc.);
    3. O conteúdo relevante para a pesquisa realizada.


sugestao-blog-made2web Sugestão: Disponibilize a informação que o utilizador procura, aposte em conteúdos interessantes e bem desenvolvidos em termos de copywriting e garanta que ele permanece na sua página.


Veja o exemplo abaixo de uma página da Made2Web relativa a "soluções de marketing digital".

momento3-experiencia-pagina-pesquisa-posicao-organica-website-made2web


O tempo de permanência nas páginas do website, a Taxa de Rejeição (
Bounce Rate) das mesmas, o percurso feito pelo utilizador durante a sua navegação, etc. são tudo critérios que indicam ao Google se a página apresentada é ou não relevante para a pesquisa feita pelo utilizador.

Do que ficou anteriormente referido em relação aos 3 momentos de posicionamento de um website no Google™ realça-se o caso de que:

  • Independentemente da qualidade dos 2 primeiros, se uma página apresentada pelo Google™ como relevante não der uma boa experiência de utilização aos utilizadores, ela poderá ser “castigada” e até desaparecer da 1ª página dos resultados orgânicos;
  • Por outro lado, mesmo que o SEO BASE (Momento 1) não seja o melhor e mesmo que o utilizador "aterre" em determinada página do website de forma forçada (paga), se o Google™ entender que o website proporcionou uma boa experiência de utilização, quando comparado com outros websites concorrentes, então essa página específica do website terá tendência para, futuramente, aparecer em posições mais relevantes.

A experiência de utilização é o momento mais importante de todo o processo, pois é aquele que irá ditar o posicionamento final.

 

Podemos dizer que...

O SEO é, assim, uma ciência bastante mais complexa do que habitualmente é referido na literatura da especialidade, envolvendo, por um lado, muitos e diversificados aspetos técnicos dos websites e, por outro, aspetos comportamentais dos utilizadores que a eles acedem.

Para que possa entender melhor a nossa linha de raciocínio, consulte o infográfico dos 3 Momentos de Posicionamento de um Website no Google™:


infografico-seo-3-momentos-posicionamento-made2web-pre

 

No próximo texto da saga #osegredojanaoeaalmadonegocio iremos abordar o modelo EGO (Explore/Explorar, Grade/Graduar, Obtain/Obter) criado e utilizado pela Made2Web na sua atividade quotidiana como agência digital parceira do sucesso online dos nossos clientes.

Apesar do tema ser distinto, ele enquadra-se na mesma saga por corresponder a mais uma teoria formulada no seio da nossa Agência que tem no seu ADN a visão de que "O segredo (já não) é a alma do negócio". A Partilha sim, é!

E é por isso que partilhamos todo o nosso conhecimento consigo, mostrando-lhe novas visões e opiniões dos nossos leitores.

QUERO SABER MAIS SOBRE SEO »