Não é possível chegar aos tão desejados lugares cimeiros nos motores de pesquisa sem uma estratégia eficaz de copywriting. O content marketing é uma área em constante atualização e é por isso que é muito importante que se mantenha a par de todas as novidades, de forma a obter as tão desejadas conversões. Sente-se sem rumo? Nós estamos cá para ajudar.

É graças ao content marketing (ou marketing de conteúdos), que passa em muito pela criação de textos e artigos – o tão precioso copywriting – que conseguimos atrair e cativar leitores para os nossos produtos ou serviços. É dessa forma que chegamos ao nosso objetivo – a conversão.

Relembramos que a conversão pode ser de vários tipos, consoante o seu objetivo. Aqui ficam alguns exemplos:

  • Um pedido de orçamento através de um formulário;
  • Uma reserva de horário para uma consulta médica;
  • O download de um e-book mediante o fornecimento de dados pessoais;
  • A subscrição de uma newsletter;
  • A compra efetiva de um produto.

Tudo pronto para começar? Tome então nota destas excelentes regras para elevar a sua estratégia de copywriting!

QUERO SABER MAIS SOBRE web copywriting »

 

Regra 1: Estude a fundo o público-alvo

Antes de delinear qualquer estratégia de copywriting é essencial conhecer a fundo o cliente, o que implica a definição da buyer persona. Nunca ouviu falar sobre isto? Nós explicamos: uma persona é, precisamente, uma personagem semi-ficcional (criada por si) com base naquilo que considera ser o seu cliente ideal.

Isto implica saber não só aspetos básicos como a idade, o seu emprego ou onde vive, mas todo um leque de comportamentos, hábitos e atitudes que ajudam a traçar um perfil mais exato e que permite adaptar a estratégia de content marketing, obtendo melhores resultados e mais conversões.

Regra 2: Adopte um tipo de linguagem mais "natural"

Recentemente foi anunciado que já há mais pessoas a utilizar o smartphone ou tablet para fazer pesquisas do que computadores desktop. O novo reinado do mobile trouxe com ele uma forma diferente de fazer pesquisas – através da utilização dos softwares de reconhecimento por voz.

reconhecimento-de-voz

Sim, há um número crescente de utilizadores que se servem da Siri, Cortana ou outros softwares para fazer pesquisas, normalmente em forma de perguntas, pois é assim que as pessoas falam, e não recorrendo ao habitual método de pesquisa por keywords.

Cada vez mais, uma pesquisa é uma forma de a pessoa obter uma resposta para a sua questão. O trabalho de copywriting deve refletir isso mesmo. Tente perceber quais as questões mais comuns colocadas pelo público e incorpore-as nos conteúdos. Vai notar as diferenças quando o seu website começar a subir nos rankings dos motores de pesquisa!

Regra 3: Reveja e formate os seus artigos

A utilização das tags de título continuam a ser cruciais para o content marketing. Utilize sempre o H1, H2, H3 e assim sucessivamente para ajudar a criar secções nos artigos, tornando-os não só visualmente mais apelativos mas também legíveis para os motores de pesquisa e sobretudo para os leitores.

A tag H1 deve ser aplicada na frase de título e que resume os tópicos a abordar no artigo (não se esqueça das keywords!). Já a H2 aplica-se nos subtítulos, criando uma subseção dentro do H1, e, seguindo a mesma lógica, a H3 cria uma subseção dentro da H2.

Para um bom trabalho de copywriting, é essencial que aplique estas tags nos artigos. A vantagem é que, se ainda não o fez, pode fazê-lo já, mesmo em textos mais antigos! Toca a rever essas formatações!

Regra 4: Mantenha o seu calendário de conteúdos atualizado

content-calendar

Sabemos o quão difícil pode ser elaborar um calendário de conteúdo e, mais importante, segui-lo à regra. Mas só com uma estratégia de content marketing que inclua novos conteúdos publicados com regularidade é que vai conseguir manter o seu website no topo dos resultados de pesquisa. É dessa forma que o Google™ sabe que existe uma preocupação em dar conteúdos novos e relevantes aos leitores!

As suas aptidões de copywriting são muito importantes para levar a cabo esta tarefa. É essencial que encontre novos assuntos para escrever e formas de responder às tão importantes questões dos potenciais clientes. Vai ver que um calendário organizado, que inclua todos os artigos e posts a fazer nas redes sociais por exemplo, vai ajudá-lo a criar rotinas e conquistar os seus objetivos!

Regra 5: Sirva-se da web para obter novas ideias

Sim, sabemos que nem sempre é fácil encontrar ideias para escrever artigos. Mas, felizmente, a web está cheia de recursos que ajudam a perceber quais os tópicos que as pessoas discutem e a definir as keywords que deve querer. Anote estas sugestões:

Reserve algum tempo para explorar estes recursos, sem esquecer quem é o seu público-alvo e quais as questões que quer ver respondidas. Depois, não se esqueça de colocar tudo no calendário!

Vamos por as mãos à obra? Comece já a colocar estas dicas em prática para melhorar os seus artigos e obter excelentes resultados.

QUERO ler MAIS SOBRE COPYWRITING »