Nota: Este conteúdo faz parte do Guia de Redes Sociais Orgânicas que foi dividido em 6 partes e que irão sair periodicamente no Blog da Made2Web.

Atualmente, a grande maioria das empresas já compreende o poder e os benefícios de trabalhar as Redes Sociais de uma forma dinâmica. É através de uma comunicação eficaz e regular que se alcançam objetivos. 

Hoje, quem assume a dianteira são as marcas que melhor utilizam estas poderosas ferramentas a seu favor. 

Vivemos na era das Redes Sociais por onde passa toda a comunicação.

As empresas sem qualquer presença nestas plataformas é quase como se não existissem.

 

Porque é importante trabalhar as Redes Sociais?

Uma presença ativa nas plataformas de Social Media permite uma comunicação regular com o seu público-alvo.

Por outro lado, trabalhar as Redes Sociais possibilita uma interação mais simples e rápida com o público, tornando mais fácil compreendê-lo e conquistá-lo.

 

Quais as vantagens para as empresas?

As Redes Sociais são meios eficazes para comunicar, estabelecer relações com os clientes e cativar novos públicos. Trabalhar as Redes Sociais através de uma estratégia bem definida traz vantagens claras para a maior parte das empresas. 

De uma maneira geral, uma boa gestão de Redes Sociais:

  • Permite ampliar a presença online (de forma gratuita ou paga);
  • Permite aumentar a brand awareness;
  • Possibilita a construção de autoridade ou o reconhecimento como experts em certa área;
  • Ajuda a conhecer o público, identificando novas necessidades do mesmo que podem resultar em novas áreas de negócio ou no desenvolvimento de novos produtos.

guia-de-redes-sociais-porque-devo-trabalhar-as-redes-sociais-da-minha-empresa-02

Quais as principais Redes Sociais em Portugal e quais as suas diferenças?

Para trabalhar as Redes Sociais de modo eficaz e saber escolher as plataformas mais adequadas, é essencial compreender as principais diferenças entre elas:

  • Linkedin - É uma Rede Social profissional, com um sentido mais corporativo. É muito virada para o networking e o acompanhamento de novidades na nossa área de atuação. É ideal para educar o público e criar autoridade, contribuindo assim para nos afirmar como experts.
  • Instagram – É uma boa plataforma para se relacionar com o público e aumentar a likeability deste para com a marca, mostrando o lado mais informal da empresa.  O Instagram privilegia conteúdo mais verdadeiro e em tempo real, conteúdo com que o seu público se possa identificar e perceber que pode interagir com a sua empresa a outros níveis.
  • Facebook – É também uma boa plataforma para gerar relacionamento, mas é mais direcionada para divulgar a marca e comunicar com o público. Fica algures entre o Instagram e o Linkedin em termos da formalidade do seu conteúdo.
    Nesta plataforma é possível aprofundar a informação transmitida, através de conteúdo mais trabalhado do que no Instagram, educar o público
  • Youtube – Esta Rede Social tem uma vertente mais voltada para o entretenimento e é o 2º “motor de pesquisa” mais usado.  É cada vez mais uma grande aposta para muitas marcas, sendo mesmo a plataforma que gera mais leads em algumas delas.
    O Youtube permite publicar conteúdo audiovisual longo e com maior valor para utilizador, por exemplo entrevistas ou palestras onde abordamos um tema em que somos especialistas e damos mais informação do que é possível noutras redes, ou vídeos explicativos de como determinado produto ou serviço funcionam e quais as suas vantagens. Uma vez que esta rede permite uma comunicação mais direta e informal com o nosso público, bom conteúdo tem um grande potencial de se tornar viral.

 

Uma estratégia eficiente para trabalhar as Redes Sociais começa sempre por um processo de avaliação e definição do pretendido. Este ponto de partida permite às empresas estar em perfeita sintonia, não apenas com o seu público, mas também com a imagem que quer transmitir e os objetivos estipulados. 

 

Quero dinamizar as Redes Sociais da minha empresa >