As hashtags estão presentes em quase todas as Redes Sociais e podem trazer vantagens quando usadas corretamente. Saber quando e como as usar vai ajudar a aumentar o alcance orgânico das suas publicações e a conseguir um maior engagement.

O que são hashtags e porque são importantes? 

As hashtags correspondem simplesmente a termos, ou palavras-chave, precedidas do símbolo “#” e funcionam como links para um conjunto de posts sobre um mesmo tema. 

Quando associadas a publicações nas Redes Sociais, as hashtags ajudam a conseguir um maior alcance, daí a sua importância. Atingindo um público maior, a interação tende a aumentar, o que pode cativar novos seguidores para a sua marca. 

 

Que tipos de hashtags existem?

As hashtags podem ser divididas em 2 tipos principais, de acordo com  o número de publicações que agregam:

  • Hashtags de volume

Possuem mais de 500k publicações. São úteis para alcançar uma grande quantidade de pessoas.

  • Hashtags específicas

Possuem menos de 500k publicações. São úteis para cativar pessoas interessadas naquele tema específico. 

guia-de-redes-sociais-4-quando-e-como-usar-hashtags-nas-publicacoes

Para conseguir os melhores resultados, a utilização de cada tipo de hashtags não deve ser feita de forma isolada, mas sim equilibrada entre ambos. Por exemplo, se num post utilizar 6 hashtags de volume, deve usar uma quantidade equivalente de hashtags específicas.

 

Como funcionam? 

Uma vez que agrupam posts relacionados com a palavra-chave que representam, as hashtags facilitam as pesquisas. A maioria das Redes Sociais permite ao utilizador seguir hashtags, passando a visualizar posts (oriundos de diversas fontes) relacionados com os seus interesses específicos. 

É desta forma que as hashtags fazem chegar o seu conteúdo a potenciais interessados, o que pode trazer-lhe novos seguidores!

 

As hashtags podem dar um “efeito boomerang” aos seus posts: 

Ajudam-nos a chegar mais longe e, na volta, podem trazer-lhe novos seguidores! 

 

Em que Redes Sociais devem ser usadas e como?

 

Rede Social

Usar ou não usar?

Porquê?

Em que quantidades?

Instagram

Sim, é a Rede Social onde faz mais sentido usar hashtags.

As hashtags nasceram no Instagram, portanto fazem todo o sentido usar nesta plataforma.

Ideal: 12 a 20#

Máximo: 30# (mas pode já ser considerado spam pelo ferramenta)

Facebook

Não, não deve usar hashtags no Facebook.

Está provado que diminuem a interação e associam uma carga negativa aos posts, fazendo-os parecer conteúdo falso. 

-

Linkedin

Sim, mas com moderação.

As # funcionam como uma forma de categorização do conteúdo.

Ideal: 6#

Máximo: -

Youtube

Sim, deve usar.

As hashtags no YouTube fazem com que os seus vídeos sejam mais facilmente indexados e encontrados pelo público.

Ideal: 3#

Máximo: 15# (se tiver mais # estas serão anuladas)



Como desenvolver um Estudo de Hashtags

1. Analise as # usadas pela concorrência 

Verifique as hashtags usadas pelos seus concorrentes e por influencers da sua área de ação e os respetivos resultados, para saber em quais deve apostar. 

 

2. Pesquise hashtags relacionadas 

Procure as hashtags que costumam usar-se em conteúdo equivalente ao seu. Depois analise cada uma delas para saber se também fariam sentido nas suas publicações, ou seja, verifique o tipo de conteúdos associados a cada uma e perceba se o conteúdo é similar ao seu ou se por outro lado não está de todo relacionado.

 

3. Use ferramentas de monitorização 

Existem diversas plataformas (gratuitas ou pagas) para ajudar a monitorizar hashtags e descobrir tendências. Estas ferramentas permitem poupar tempo ao encontrar # de forma mais rápida. A escolha da melhor plataforma deverá estar relacionado com o que pretende extrair da mesma.

guia-de-redes-sociais-4-quando-e-como-usar-hashtags-nas-publicacoes-02

 

Quero desenvolver um estudo de hashtags >


6 Regras para usar hashtags corretamente

1. Avalie o conteúdo associado à hashtag

É também importante avaliar o conteúdo associado às hashtags que escolhe e confirmar se os mesmos são relevantes e se estão alinhados com o seu tema.  

 

hashtags-conteudo-associado

 

2. Evite usar uma hashtag por palavra


A pesquisa “Bolas de Berlim” vai certamente devolver resultados muito diferentes do que procurar apenas por “Bolas” e depois por “Berlim”. É isto que acontece se criar as hashtags #Bolas #de #Berlim em vez de #BolasDeBerlim. Cada hashtag deve ser encarada como um termo de pesquisa. 

 

3. Não concentre demasiado conteúdo numa hashtag 


No seguimento da regra anterior também não é correto usar excesso de conteúdo nas hashtags. 

Hashtags como: 

  • #AsMaisTradicionaisBolasDeBerlimDeLisboa 
  • #TemosAsMelhoresBolasDeBerlimDaCidade 

não iriam alcançar muitos utilizadores porque são demasiado específicas e ninguém iria pesquisar por elas.

 

marketing-digital-hashtags

 

4. Crie a sua hashtag de marca


A criação de uma hashtag de marca é um passo importante numa estratégia de marketing. Crie uma hashtag identificativa da sua marca de forma a poder aglomerar os seus posts e os posts em que os seus seguidores o identificam.

 

made2wem-hashtag

 

5. Ajuste as hashtags relativas ao tema do post


Listar termos de pesquisa que possam estar associados ao conteúdo da sua publicação é um bom ponto de partida para definir as melhores hashtags. 

 

hashtags-posts

 

6. Valide a ortografia


Na escolha de hashtags já existentes prefira as variações que agreguem mais conteúdo em termos de ortografia.  

Na criação de hashtags, prefira a ortografia correta, para gerar mais confiança e autoridade.

 

hashtags

 

sugestao-blog-made2web  Conclusão

As hashtags são preciosos auxiliares para difundir o seu conteúdo pelas plataformas digitais e devem ser parte integrante da sua Estratégia Orgânica de Redes Sociais. Use-as mas com moderação e de acordo com a Rede Social.

 

Quero desenvolver um estudo de hashtags >