Com cada vez mais empresas focadas na gestão do Facebook, aumenta o número de negócios que lutam por um lugar ao sol na divulgação de conteúdo, competindo pela visibilidade no feed de notícias mas por vezes negligenciando os propósitos do algoritmo do Facebook.

Zelar para que os utilizadores tenham acesso a conteúdo relevante de acordo com o seu perfil, é objetivo do Facebook. Já as empresas que fazem a gestão de redes sociais, estão mais interessadas nas visualizações e interações das suas publicações e há anos que reclamam a quebra da pesquisa orgânica.

facebook

A resposta do Facebook é concreta e vai no sentido de alterar comportamentos, porque a pesquisa orgânica tende efetivamente a diminuir devido a alterações constantes no algoritmo para priorizar o conteúdo de amigos e familiares sobre as páginas, diminuindo o número de cliques, gostos e partilhas.

Mas isso não significa que as conversões, leads e angariação de clientes tenham os dias contados. Muito pelo contrário!

Os resultados da gestão de Facebook poderão ser ainda mais satisfatórios para as empresas capazes de inovar. Os negócios que olham para as suas bases de dados de seguidores, sobreviverão ao declínio do alcance orgânico, os outros dificilmente encontrarão espaço nesta era de mudança.

A constante evolução do algoritmo do Facebook

O algoritmo do Facebook é um recurso utilizado maioritariamente para determinar o que é colocado em primeiro lugar na linha de tempo ou feed na página principal do utilizador.

Ora, tendo em conta que um utilizador médio só dá atenção a 20% das publicações a que tem acesso, o Facebook usa uma série de fatores individuais para tentar traduzir o que esses 20% têm de diferente, e com esses dados elaborar combinações e definir o que deve constar na página principal.

Foi assim que o algoritmo foi evoluindo, tornando-se cada vez mais complexo de tão adaptado que está às preferências individuais. Por exemplo, se o utilizador nunca interage com fotos, o algoritmo do Facebook vai ter isso em conta e mostrar-lhe menos fotos ao longo do tempo porque o objetivo final do algoritmo do Facebook é combinar o conteúdo do feed de notícias com interesses individuais.

Dicas para lidar com o declínio da pesquisa orgânica no Facebook

As empresas que querem inovar na sua gestão de redes socias devem-se adaptar às constantes alterações de algoritmo no Facebook e responder à diminuição da pesquisa orgânica com publicações inovadoras, direcionadas ao seu público-alvo. Nesse sentido deixamos aqui alguns conselhos:

  1. Qualidade

Partilhe material de qualidade, didático e intuitivo, use infográficos, pictográficos e vídeos. O conteúdo relevante continua a ser a melhor forma de gerar valor, mesmo com as mudanças no algoritmo do Facebook.

  1. Seletividade

Seletividade

Abandone as publicações não segmentadas e valorize conteúdos seletivos. Hoje em dia o objetivo já não é minar o Facebook com textos e imagens mas sim publicar na medida certa para obter a máxima interação com um único conteúdo, direcionado a um público específico. Independentemente desse conteúdo ser ou não patrocinado, com alguma seletividade consegue a tão almejada interação, inclusive entre outras pessoas que não fazem parte do segmento.

Aproveite também para experimentar o Organic Post Targeting na sua gestão de Facebook para adequar quem vê as suas publicações de acordo com os avatares que representam os consumidores ideais para o seu negócio.

  1. Interação

Interaja com os seus seguidores.

Recorde-lhes que podem ir ao feed de páginas no seu feed de notícias para ver conteúdos de que gostaram; instigue-os a atualizar as suas configurações de notificação; encoraje-os a envolverem-se com as suas publicações mal as vêem (adicionando um lembrete, por exemplo) e incentive-os a agir: o número de gostos, comentários e partilhas determinam quantas pessoas estão expostas à sua publicação e essas informações não só aparecem na linha do tempo dos seguidores que se envolveram com o conteúdo como também se tornam visíveis para todos os seus amigos, levando o Facebook a destacar e atribuir uma melhor classificação à sua publicação.

  1. Diversificação

De acordo com um estudo recente da Quintly, os vídeos do Facebook têm uma taxa de visualizações de 186% e são partilhados 1000% mais do que vídeos de outros sites. Logo, convém começar a diversificar os seus conteúdos publicando vídeos envolventes no Facebook.

Aconselhamo-lo a transmitir no Facebook Live porque os utilizadores da rede passam mais três vezes a assistir a transmissões ao vivo do que a vídeos tradicionais. E por que não anunciar em diferentes plataformas para gerar algum intercâmbio de informação ou pelo menos para ajudar a sua transmissão a aparecer no feed atraindo assim outras pessoas? Se se está a iniciar na transmissão ao vivo, conheça estratégias para usar o Facebook Live.

  1. Complementação

A gestão de redes socias, nomeadamente a gestão do Facebook, é importante mas não pode perder o foco noutros meios digitais, como site e blogue. Esforce-se por (continuar) a criar conteúdos que sejam capazes de angariar leads - artigos em blogues, formulários, ebooks, vídeos, case studies - e partilhe-os no Facebook para obter um alcance adicional.

Inclua links para o seu site ou landing pages e use hashtags para contextualizar as suas publicações e torná-las disponíveis nos resultados do motor de busca e algoritmo do Facebook.

  1. Investimento

Investimento-em-Facebook

Não ignore o facto do Facebook ser uma plataforma de publicidade paga. Depois de conquistar uma audiência relevante, anuncie os seus conteúdos para os ampliar até utilizadores segmentados.

Vá além do básico porque as capacidades de segmentação do Facebook são cada vez mais eficazes pelo que pode pagar para alcançar o seu segmento com base em dados demográficos, interesses, comportamento na Internet, etc. Saiba como direcionar anúncios no Facebook.

  1. Análise

E por fim, use o Facebook Insights para acompanhar o comportamento dos visitantes do site após visualizarem o seu anúncio no Facebook e para avaliar os seus esforços, verificando que conteúdos o seu público mais aprecia e direcionando as suas ações na rede social.

Preparado para ultrapassar a diminuição de resultados na pesquisa orgânica do Facebook? Já tem em mente novas e melhores estratégias que vão maximizar o algoritmo no Facebook a seu favor? Ajuste as suas ações de marketing, inove na gestão de Facebook e depois fale-nos dos resultados. Boa sorte!

QUERO SABER MAIS SOBRE REDES SOCIAIS »