Todas as comunicações web devem ser seguras, por defeito. É este o princípio inerente ao HTTPS e à filosofia de segurança do GoogleTM e da internet, em geral.

A privacidade e a segurança online são dois requisitos importantes para a empresa de tecnologia, pelo que o algoritmo valoriza a construção e o desenvolvimento de websites com esta certificação de segurança.

A encriptação HTTPS nos websites significa que cada vez que um utilizador se serve de diferentes serviços web, está a fazê-lo através de uma ligação segura.

Do ponto de vista do SEO (Search Engine Optimization), a construção de websites com o protocolo HTTPS tem um impacto positivo no sistema de classificação de websites e conteúdos no GoogleTM, privilegiando aqueles que adotam esta encriptação.

QUERO SABER MAIS SOBRE SEO »

 

 

O papel do protocolo HTTPS na criação e desenvolvimento de websites

O protocolo HTTPS existe, não só para proteger a privacidade dos utilizadores, como também para garantir a segurança e integridade de um website

O HTTP, também designado por protocolo de transferência de hipertexto, é o meio a partir do qual os navegadores estabelecem ligações a websites. Por sua vez, o HTTPS significa que esta ligação é realizada mediante um meio mais seguro, uma vez que é encriptada.

O certificado de segurança ajuda a manter a navegação segura no acesso a websites a partir de um navegador ou aplicação móvel, tornando o furto de dados pessoais e confidenciais mais difícil.

É possível saber se a ligação a um qualquer website está a ser realizada de forma segura observando o URL, que deverá conter HTTPS ao invés de somente HTTP.

Quando uma página de um website é carregada, surge na maioria dos navegadores um ícone que sugere uma ligação segura. Por exemplo, no GoogleTM Chrome é simbolizada por um cadeado.

http-vs-https

 

O HTTPS não se refere apenas a encriptação. Inclui três componentes:

Autenticação - garante a autenticidade da pessoa/empresa/marca, isto é, a garantia que o usuário está de facto a falar com a entidade que pesquisou;

Integridade dos Dados - garante que os dados entre clientes e servidores não são modificados quando estão em trânsito;

Encriptação - protege a comunicação, no sentido em que se elimina a possibilidade de terceiros externos ao processo monitorizem as comunicações. 

 

Algoritmo do GoogleTM favorece websites construídos com HTTPS

A utilização do HTTPS para o posicionamento de páginas na web começou a ser discutida em 2014, quando o GoogleTM realizou mudanças significativas no seu algoritmo.

Gradualmente e com o objetivo de tornar a web mais segura, a empresa começou, naturalmente, a dar prioridade a websites com ligações seguras.

De ano para ano, o número de sites a serem migrados, criados e desenvolvidos com HTTPS aumentou exponencialmente.

Em 2015, o GoogleTM anunciou que, no caso de existirem dois websites concorrentes, após uma pesquisa orgânica, o algoritmo iria favorecer aquele que garantisse uma ligação segura.

Claramente, um sinal de que a classificação de relevância de websites nas pesquisas orgânicas passaria a ter o HTTPS em consideração. Mais ainda, um estudo realizado pela HubSpot Research concluiu que os consumidores abandonariam um website se ele não fosse seguro.

No que respeita ao SEO, no ano passado, mais de metade dos resultados da pesquisa orgância na primeira página do GoogleTM eram referentes a websites HTTPS.

Melhor posicionamento, traduz-se em maior tráfego e potencialmente mais vendas, caso de trate de uma loja online.  

of HTTPS Results on Google Page1

Fonte: (https://moz.com/blog/half-page-one-google-results-https)

 

Porque razão é tão importante o HTTPS num website?

1. HTTPS como garantia de integridade de um website:

O protocolo HTTPS garante que as comunicações estabelecidas entre os utilizadores e os websites não são corrompidas por terceiros.

Esta invasão de privacidade por destinatários indesejados que sabem manipular a rede, tem como objetivo o aproveitamento de todas as informações que estejam desprotegidas, sejam elas imagens, scripts, cookies ou outras, sendo usadas, por exemplo, para fins publicitários.

Para além disto, o aproveitamento de ligações não seguras pode chegar a envolver situações mais gravosas, como a instalação de softwares maliciosos nos dispositivos dos utilizadores.

2. HTTPS como garantia de privacidade e segurança:

Todas as ligações não protegidas têm o potencial de revelar informações que deveriam manter-se privadas. Pode parecer inofensivo visitar uma página não segura, em que não se preenche nenhum formulário ou se coloca qualquer informação bancária, no entanto os invasores examinam todas as atividades de navegação, descobrindo comportamentos e padrões de navegação.

Uma ligação segura garante que, mesmo que as comunicações encriptadas na web sejam intercetadas, os seus conteúdos sejam ininteligíveis.

Em resumo, quais os benefícios de optar por HTTPS em websites:

  • Aumentar a segurança do website, garantindo que todas as comunicações são 100% seguras e confidenciais;
  • Melhoria da confiança dos consumidores.

Evolução do HTTPS no desenvolvimento e criação de websites

O esforço do GoogleTM no sentido da criação, desenvolvimento e migração de websites para HTTPS tem compensado.

Dados divulgados pela empresa mostram que, no final de outubro de 2017, 68% das páginas carregadas através do navegador Chrome, em diferentes sistemas operativos, realizaram-se através de websites com protocoto HTTPS.

A mesma tendência é registada aquando do acesso a websites ou aplicações através de dispositivos móveis, sendo, no entanto, inferior quando comparado com os acessos via desktop.

O GoogleTM tem insistido que todos os websites devem ser seguros, e não apenas os que estão relacionados com a banca, e-commerce ou que tratam informações confidenciais.

Todos os websites, incluindo páginas de notícias, aplicações móveis, tudo o que envolva a navegação online, devem ser seguros, daí a empresa ter criado uma espécie de slogan: HTTPS EVERYWHERE.

A adoção de conexões seguras e criptografadas na etapa de construção e desenvolvimento de um website deve ser seriamente considerada, uma vez que o HTTPS é entendido pelo algoritmo do GoogleTM como um fator importante de classificação.

Para além deste benefício, a garantia de privacidade e segurança dos utilizadores – uma das conquistas mais difíceis de alcançar na web – pode potenciar a confiança dos clientes e favorecer o tráfego e/ou vendas.

QUERO SABER MAIS SOBRE SEO »